Especial: Bens Tombados

Atrativos Turísticos

Todos os atrativos da cidade

Especial: Bens Tombados

Bosque do Papa (Bosque Estadual João Paulo II)

O Bosque do Papa é uma homenagem ao Papa João Paulo II e a seu país natal, a Polônia

Mais conhecido como “Bosque do Papa”, o local tem área total de 48 mil m², em um espaço que era ocupado por uma antiga fábrica de velas. O Rio Belém corta o parque e o grande número de araucárias chamam a atenção de quem passa pela região.

Para homenagear o país natal do Papa João Paulo II, o parque conta com sete casas de troncos, aos moldes da cultura polonesa; calçadas de pedra; equipamentos usados pelos imigrantes; e utensílios em geral, como carroças e uma pipa. Esse complexo forma o Memorial Polonês. Além disso, o local é usado como palco para alguns eventos da cultura polonesa, como o Swieconka, que é a Benção dos Alimentos no Sábado de Aleluia, e a festa de Nossa Senhora da Czestochowa, a padroeira da Polônia.

Bosque do Papa - Bosque Estadual João Paulo II - Curitiba Space

O parque conta também com algumas estátuas, como a de Papa João Paulo II (1920-2005) e a de Nicolau Copérnico. O Bosque do Papa é um local tombado pela Coordenação do Patrimônio Cultural do Paraná, com inscrição no livro do tombo em 04 de setembro de 1.990.

Bosque do Papa - Bosque Estadual João Paulo II - Curitiba Space

Algumas placas no local simbolizam a inauguração e a presença do Papa João Paulo II em Curitiba:

“Entregues à população de Curitiba, respectivamente, em dezembro de 1980 e em julho de 1881, marcando os seis meses e o primeiro aniversário da visita do Papa João Paulo II ao Paraná.”

“Esta cidade de Curitiba, onde me encontro, retrata bem a Jerusalém da manhã de Pentecostes pela imensa variedade de raças daqueles que ouvem anunciar a Boa Nova de Jesus Cristo. Quero pois, como filho de uma pátria de onde vieram tantos filhos para aqui, render sentida homenagem à ampla e inconfundível hospitalidade deste país – João Paulo II.”

Bosque do Papa - Bosque Estadual João Paulo II - Curitiba Space

A imigração polonesa possui traços marcantes na cultura e na sociedade curitibana. Os primeiros viajantes chegaram ao país entre 1869-71 e se instalaram em Santa Catarina, mais precisamente na cidade de Brusque. Logo depois, se deslocaram para Curitiba e fixaram residência na região do bairro Pilarzinho, e posteriormente no atual bairro Abranches, através da autorização do então presidente do Paraná, Dr. Frederico Abranches. Na região, os poloneses se mostraram essencialmente camponeses e tradicionais ao preservar aspectos culturais como religião, vestimentas, festas, linguagem e arquitetura.

Bosque do Papa - Bosque Estadual João Paulo II - Curitiba Space

O Bosque do Papa fica ao lado do Museu Oscar Niemeyer, com entrada pela Rua Euclides Bandeira, s/ nº, e pela Rua Vieira dos Santos (fundos do MON), no bairro Centro Cívico.

Referências:
PATRIMÔNIO CULTURAL. Parque Estadual João Paulo II. Disponível em <http://www.patrimoniocultural.pr.gov.br/>

Especial: Bens Tombados

Outros posts